sábado, 26 de setembro de 2009


[Quem Sabe um Dia]
Quem Sabe um DiaQuem sabe um diaQuem sabe um seremosQuem sabe um viveremosQuem sabe um morreremos!Quem é queQuem é machoQuem é fêmeaQuem é humano, apenas!Sabe amarSabe de mim e de siSabe de nósSabe ser um!Um diaUm mêsUm anoUm(a) vida!Sentir primeiro, pensar depoisPerdoar primeiro, julgar depoisAmar primeiro, educar depoisEsquecer primeiro, aprender depoisLibertar primeiro, ensinar depoisAlimentar primeiro, cantar depoisPossuir primeiro, contemplar depoisAgir primeiro, julgar depoisNavegar primeiro, aportar depoisViver primeiro, morrer depois

Nenhum comentário:

Postar um comentário

quando me amei de verdade!


Quando me amei de verdadeJunho 7, 2007



Quando me amei de verdade, compreendi que em qualquer circunstância, eu estava no lugar certo, na hora certa, no momento exato.E então, pude relaxar.Hoje sei que isso tem nome…Auto-estima.Quando me amei de verdade, pude perceber que minha angústia, meu sofrimento emocional, não passa de um sinal de que estou indo contra minhas verdades.Hoje sei que isso é…Autenticidade.Quando me amei de verdade, parei de desejar que a minha vida fosse diferente e comecei a ver que tudo o que acontece contribui para o meu crescimento.Hoje chamo isso de… Amadurecimento.Quando me amei de verdade, comecei a perceber como é ofensivo tentar forçar alguma situação ou alguém apenas para realizar aquilo que desejo, mesmo sabendo que não é o momento ou a pessoa não está preparada, inclusive eu mesmo.Hoje sei que o nome disso é… Respeito.Quando me amei de verdade comecei a me livrar de tudo que não fosse saudável… Pessoas, tarefas, tudo e qualquer coisa que me pusesse para baixo. De início minha razão chamou essa atitude de egoísmo.Hoje sei que se chama… Amor-próprio.Quando me amei de verdade, deixei de temer o meu tempo livre e desisti de fazer grandes planos, abandonei os projetos megalômanos de futuro.Hoje faço o que acho certo, o que gosto, quando quero e no meu próprio ritmo.Hoje sei que isso é… Simplicidade.Quando me amei de verdade, desisti de querer sempre ter razão e, com isso, errei menos vezes.Hoje descobri a… Humildade.Quando me amei de verdade, desisti de ficar revivendo o passado e de me preocupar com o futuro. Agora, me mantenho no presente, que é onde a vida acontece.Hoje vivo um dia de cada vez. Isso é…Plenitude.Quando me amei de verdade, percebi que minha mente pode me atormentar e me decepcionar. Mas quando a coloco a serviço do meu coração, ela se torna uma grande e valiosa aliada.Tudo isso é… Saber viver!!!

certezas (mario quintana)

Esse é um dos poemas de Mário Quintana mais lindos, lidos e conhecidos. Ele já foi lido até pela Ana Maria Braga em seu programa na Globo.

Certezas
Não quero alguém que
morra de

amo por mim…Só preciso de alguém que viva por mim, que queira
estar junto de mim, me abraçando.Não exijo que esse alguém me ame como eu o
amo,quero apenas que me ame, não me importando com que intensidade.Não tenho a
pretensão de que todas as pessoas que gosto, gostem de mim…Nem que eu faça a
falta que elas me fazem, o importante pra mim é saber que eu, em algum momento,
fui insubstituível…E que esse momento será inesquecível..Só quero que meu
sentimento seja valorizado.Quero sempre poder ter um sorriso estampando em meu
rosto, mesmo quando a situação não for muito alegre…E que esse meu sorriso
consiga transmitir paz para os que estiverem ao meu redor.Quero poder fechar
meus olhos e imaginar alguém…e poder ter a absoluta certeza de que esse alguém
também pensa em mim quando fecha os olhos,que faço falta quando não estou por
perto.Queria ter a certeza de que apesar de minhas renúncias e loucuras,alguém
me valoriza pelo que sou, não pelo que tenho…Que me veja como um ser humano
completo, que abusa demais dos bons
sentimentos que a vida lhe proporciona, que
dê valor ao que realmenteimporta, que é meu sentimento… e não brinque com ele.E
que esse alguém me peça para que eu nunca mude, para que eu nuncacresça, para
que eu seja sempre eu mesmo.Não quero brigar com o mundo, mas se um dia isso
acontecer, quero terforças suficientes para mostrar a ele que o amor existe…Que
ele é superior ao ódio e ao rancor, e que não existe vitória sem humildade e
paz.Quero poder acreditar que mesmo se hoje eu fracassar, amanhã será outro
dia,e se eu não desistir dos meus sonhos e propósitos,talvez obterei êxito e
serei plenamente feliz.Que eu nunca deixe minha esperança ser abalada por
palavras pessimistas…Que a esperança nunca me pareça um “não” que a gente teima
em maquiá-lo de verde e entendê-lo como “sim”.Quero poder ter a liberdade de
dizer o que sinto a uma pessoa, de poderdizer a alguém o quanto ele é especial e
importante pra mim,sem ter de me preocupar com terceiros…Sem correr o risco de
ferir uma ou mais pessoas com esse sentimento.Quero, um dia, poder dizer às
pessoas que nada foi em vão…Que o amor existe, que vale a pena se doar às
amizades e às pessoas,que a vida é bela sim, e que eu sempre dei o melhor de
mim…e que valeu a pena.


Mário Quintana
Como é sua vida?
Se você é como a maioria das pessoas, é feito de incontáveis pedacinhos de atividade fragmentada: exercício, trabalho, conversas, diversão, sono. Adicione as peças dia após dia, ano após ano, e terminará com uma vida inteira dividida em milhões de fragmentos, sem nenhuma conexão. A fragmentação perturba nossa paz de espírito, criando tensão e ansiedade ocultas. No decorrer do tempo, os fragmentos se acumulam e começam a sufocar sua alma, o interior que você anseia por focalizar, seu propósito e direção. Portanto, não é de se admirar que, após quarenta ou cinquenta anos mourejando através de dias tão confusos, acordamos e de repente nos perguntamos: "É isso a vida? Serei eu realmente feliz?"
Uma vida feliz é sinônimo de uma vida significativa, e todos queremos viver vidas que tenham um significado. Esforçamo-nos constantemente para deixar nossa marca na humanidade, para contribuir com algo de valor a nosso mundo.
Ao reconhecer que dentro de seu corpo há uma alma Divina, uma alma que dá um propósito a sua vida e a eleva acima das atividades mundanas da vida diária, você começa a pôr em ordem as peças de sua vida fragmentada. Você enxerga sua vida de uma perspectiva mais ampla, santificando cada momento de sua existência - não apenas enquanto está estudando ou rezando ou fazendo atos de caridade, mas mesmo enquanto está comendo e dormindo, em casa ou no trabalho, viajando ou em férias. Ao invés de continuar suas atividades diárias de forma mecânica, você descobre a Divindade dentro delas.

a felicidade exeje corpo e alma

"O ser humano jamais pode ser feliz se não nutrir sua alma como faz com o corpo" - O Rebe
Como é sua vida?
Se você é como a maioria das pessoas, é feito de incontáveis pedacinhos de atividade fragmentada: exercício, trabalho, conversas, diversão, sono. Adicione as peças dia após dia, ano após ano, e terminará com uma vida inteira dividida em milhões de fragmentos, sem nenhuma conexão. A fragmentação perturba nossa paz de espírito, criando tensão e ansiedade ocultas. No decorrer do tempo, os fragmentos se acumulam e começam a sufocar sua alma, o interior que você anseia por focalizar, seu propósito e direção. Portanto, não é de se admirar que, após quarenta ou cinquenta anos mourejando através de dias tão confusos, acordamos e de repente nos perguntamos: "É isso a vida? Serei eu realmente feliz?"
Uma vida feliz é sinônimo de uma vida significativa, e todos queremos viver vidas que tenham um significado. Esforçamo-nos constantemente para deixar nossa marca na humanidade, para contribuir com algo de valor a nosso mundo.
Ao reconhecer que dentro de seu corpo há uma alma Divina, uma alma que dá um propósito a sua vida e a eleva acima das atividades mundanas da vida diária, você começa a pôr em ordem as peças de sua vida fragmentada. Você enxerga sua vida de uma perspectiva mais ampla, santificando cada momento de sua existência - não apenas enquanto está estudando ou rezando ou fazendo atos de caridade, mas mesmo enquanto está comendo e dormindo, em casa ou no trabalho, viajando ou em férias. Ao invés de continuar suas atividades diárias de forma mecânica, você descobre a Divindade dentro delas.
A chave para a felicidade: unir o corpo e a alma
Para ser uma pessoa completa e saudável, seu corpo e alma devem trabalhar em perfeita harmonia. Isso significa unir o corpo e a alma para cumprirem a missão para a qual fomos colocados na terra: levar uma vida produtiva, significativa e virtuosa tornando este mundo físico uma morada para D'us.
O corpo e a alma, entretanto, estão em constante conflito: o corpo basicamente procurando satisfazer suas necessidades, e a alma buscando transcendência e unidade. O primeiro passo para lidar com este conflito é reconhecer que ele existe, e estar consciente de duas forças distintas. Acreditar que somos uma única entidade leva à confusão e ao desespero. Um dia somos virtuosos, e no próximo, egoístas; um dia estamos motivados, no dia seguinte, procrastinamos.
Todos nós temos asas - nossa alma - que pode elevar-nos tão alto quanto precisamos ir. Tudo que temos de fazer é aprender a usá-las.
A única forma de unir corpo e alma é aceitar que D'us está muito acima de nosso limitado ser. A alma, devido à sua natureza transcendente, pode elevar-se acima do egoísmo mais facilmente que o corpo, e pode disciplinar o corpo, através do estudo e da prece, a reconhecer sua verdadeira missão. Somente então o corpo pode elevar-se à sua verdadeira proeminência - quando serve como um veículo para a alma, em vez de agir sob sua própria força, com seus desejos e necessidades egoístas. Assim que o corpo reconhece o domínio da alma e faz as pazes com sua irmã gêmea, a tensão pode ser adequadamente manejada.

Nnynnah

Nnynnah
fofuh

a felicidade exige açao

Não é suficiente reconhecer sua alma, você deve efetivá-la tornando-a parceira do corpo para ajudar o próximo em caso de necessidade, para ouvir um amigo que está sofrendo, para ajudar a fornecer comida ou roupas a alguém que não pode comprar. Estes tornam-se mais que simples atos bons; tornam-se a nutrição vital para sua alma e um meio de colocar seu corpo físico num bom uso espiritual. A verdadeira felicidade é a fusão do corpo e alma dedicados a uma causa maior, uma causa que beneficia a humanidade e dá significado e paz interior ao indivíduo neste processo.
Quando você acorda pela manhã, enquanto ainda está na cama, pense por um momento: O que significa estar acordado e vivo? Inicie cada dia com uma prece; agradeça a D'us pelo novo dia. Reconheça sua alma. Pense sobre o que gostaria de fazer para que o dia de hoje seja um dia mais significativo. Se você treinar-se para fazer isso a cada manhã, imediatamente começará a enxergar sua vida de maneira nova e mais aguçada.
Você deveria terminar seu dia da mesma forma que o começa. Ao se preparar para dormir, revise o dia e como você utilizou suas oportunidades. Reconheça que D'us o colocou aqui para um propósito, e que todas
suas atividades deveriam expressar este propósito. Durma com a resolução de que, não importa quão bom - ou mau - foi o dia de hoje, amanhã será melhor. Ao fazê-lo, seu sono será mais pacífico, e seu despertar mais significativo.
"Toda pessoa tem um corpo e uma alma," diz o Rebe. "É como um pássaro e suas asas. Imagine se a ave não tivesse consciência de que suas asas lhe permitem voar, elas seriam apenas uma fardo de peso extra. Mas assim que adeja as asas, eleva-se rumo ao céu. Todos nós temos asas - nossa alma - que pode elevar-nos tão alto quanto precisamos ir. Tudo que temos de fazer é aprender a usá-las."

Seguidores